sábado, 18 de dezembro de 2010

A Mágoa


Texto de Chico Xavier

Existem pessoas que se sentem ofendidas, magoadas por qualquer coisa: à mais leve contrariedade, se sentem humilhadas... Ora, nós não viemos a este mundo para nos banhar em águas de rosas.

Agradeço todas as dificuldades que enfrentei; não fosse por elas, eu não teria saído do lugar. As facilidades nos impedem de caminhar. Mesmo as críticas nos auxiliam muito. Quando você não tiver uma palavra que auxilie, procure não abrir a boca.

Sabemos que precisamos de certos recursos, mas o Senhor não nos ensinou a pedir o pão, mais dois carros, mais um avião...

Não precisamos de tantas coisas para colocar tanta carga em cima de nós. Podemos ser chamados hoje à vida espiritual.

Tudo que criamos para nós de que não temos necessidade se transforma em angústia, em pressão. 

Valorizemos o amigo que nos  socorre, que se interessa por nós, que nos escreve, que nos telefona para saber como estamos indo.


A amizade é uma dádiva de Deus. Mas tarde haveremos de sentir falta daqueles que não nos deixam experimentar a solidão!

Uma das mais belas lições que tenho aprendido com o sofrimento: não julgar, definitivamente não julgar a quem quer que seja.

Colaboração: Silvério Reis

2 comentários:

ROSANA VENTURA disse...

Que texto lindo!!!
Concordo plenamente que este negocio de guardar magoa não ta com nada...eu não guardo nem dinheiro, guardar magoa pra que?
Bjoss

Tatiana Kielberman disse...

Querida Sil,

Lindo texto! Chico Xavier nos traz mesmo belas lições...

A melhor cura para a mágoa, na minha opinião, é a percepção do real valor de uma amizade!

Beijos, com carinho!