terça-feira, 27 de julho de 2010

Bom dia













Olá viajante de sonhos distantes
Seja bem vindo ao meu jardim
Venha brincar entre as flores beijadas pelo sol
o dia inteiro.
Aqui você pode imaginar
tudo que desejar
Desculpe a minha pressa
de andar à sua frente
E de não conseguir ouvir
O que você quer me dizer
Sou apenas uma aprendiz
Aprendendo a caminhar
Entre as sementes da poesia
Mas posso te alegrar com meus versos simples
se você estiver triste
Posso te dar minha mão, pra evitar sua queda
E se você cair, eu vou te levantar
Se você se perder, basta apenas pensar em mim
que virei ao seu encontro
Mesmo que a noite chegue
Mesmo que a chuva esconda tuas lágrimas
Mesmo que as sombras te assustem
Ou o medo te faça recuar diante da realidade
Sempre estarei aqui, a te acolher nos meus braços
Afagar-te bem devagar
E te fazer sorrir sempre