domingo, 31 de outubro de 2010

Com você


Consegui encontrar minhas verdades
Minhas dúvidas são dissipadas
Minha alma sereniza
Você me faz bem
Por dentro
Por fora
Em todo instante que te sinto em mim

Hoje
Os meus dias já não são mais vazios.
Percebo que teu amor me completa
Tua luz em mim é tão vital quanto minha respiração
Conforta-me a tua energia, ser amada por você
Em todo momento você me traz a paz
Que procurava pela vida e nunca achei
E agora você está aqui comigo
E agora eu estou em você, sou de você
Somos de nós dois

sábado, 30 de outubro de 2010

Comemorando o Halloween

Em clima de Halloween, escolhi postar as Poesias dos Mestres Augusto dos Anjos e Edgar Allan Poe.
Os versos destes poetas expressam as tristezas e a solidão da alma humana

Soneto


Aurora morta, foge! Eu busco a virgem loura 
Que fugiu-me do peito ao teu clarão de morte 
E Ela era a minha estrela, o meu único Norte, 
O grande Sol de afeto - o Sol que as almas doura!
Fugiu... e em si a Luz consoladora 

Do amor - esse clarão eterno d'alma forte - Astro da minha Paz, 
Sírius da minha Sorte
E da Noute da vida a Vênus Redentora. 
Agora, oh! Minha Mágoa, agita as tuas asas, 
Vem! Rasga deste peito as nebulosas gazas
E, num Pálio auroral de Luz deslumbradora, 
Ascende à Claridade. Adeus oh! Dia escuro, 

Dia do meu Passado! Irrompe, meu Futuro; 
Aurora morta, foge - eu busco a virgem loura!


Augusto dos Anjos

ANNABEL LEE
















Annabel Lee  - Edgar Allan Poe 
(Tradução -  Fernando Pessoa)

Foi há muitos e muitos anos já,
Num reino de ao pé do mar.
Como sabeis todos, vivia lá
Aquela que eu soube amar;
E vivia sem outro pensamento
Que amar-me e eu a adorar. 

Eu era criança e ela era criança,
Neste reino ao pé do mar;
Mas o nosso amor era mais que amor
O meu e o dela a amar;
Um amor que os anjos do céu vieram
a ambos nós invejar. 

E foi esta a razão por que, há muitos anos,
Neste reino ao pé do mar,
Um vento saiu duma nuvem, gelando
A linda que eu soube amar;
E o seu parente fidalgo veio
De longe a me a tirar,
Para a fechar num sepulcro
Neste reino ao pé do mar. 

E os anjos, menos felizes no céu,
Ainda a nos invejar...
Sim, foi essa a razão (como sabem todos,
Neste reino ao pé do mar)
Que o vento saiu da nuvem de noite
Gelando e matando a que eu soube amar. 

Mas o nosso amor era mais que o amor
De muitos mais velhos a amar,
De muitos de mais meditar,
E nem os anjos do céu lá em cima,
Nem demônios debaixo do mar
Poderão separar a minha alma da alma
Da linda que eu soube amar. 

Porque os luares tristonhos só me trazem sonhos
Da linda que eu soube amar;
E as estrelas nos ares só me lembram olhares
Da linda que eu soube amar;
E assim 'stou deitado toda a noite ao lado
Do meu anjo, meu anjo, meu sonho e meu fado,
No sepulcro ao pé do mar,
Ao pé do murmúrio do mar. 

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

TÓTEM TANTRA NEPALÊS DE BOA SORTE


INSTRUÇÕES PARA A VIDA: 

Pense positivo.
Dê mais atenção às pessoas do que elas esperam e faça com alegria.
Decore o seu poema favorito.
Não acredite em tudo o que você ouve.
Gaste tudo o que você tem e durma tanto quanto queira.
Quanto disser eu te amo, seja verdadeiro.
Quanto disser sinto muito, olhe as pessoas nos olhos.
Fique noivo pelo menos seis meses antes de se casar.
Acredite em amor à primeira vista.
Nunca ria dos sonhos de outras pessoas.
Ame profundamente e com paixão.
Você pode se machucar, mas é a única forma de viver a vida completamente.
Em desentendimento, brigue de forma justa.
Não use palavrões.
Não julgue as pessoas pelos seus parentes.
Fale devagar, mas pense com rapidez.
Quando alguém lhe perguntar algo que não queira responder, sorria e pergunte: Por que você quer saber?
Lembre-se que grandes amores e grandes conquistas envolvem riscos.
Ligue para sua mãe.
Diga saúde quando alguém espirrar.
Quando você se der conta que cometeu um erro, tome as atitudes necessárias.
Quando você perder, não perca a lição.
Lembre-se dos três Rs: Respeito por ti, respeito ao próximo e responsabilidade pelas ações.
Não deixe uma pequena disputa ferir uma grande amizade.
Sorria ao atender o telefone, a pessoa que estiver chamando ouvirá isso em sua voz.
Case com alguém que você goste de conversar, ao envelhecer suas aptidões de conversação serão tão importantes quanto qualquer outra.
Passe mais tempo sozinho.
Abra seus braços para mudanças, mas não abra mão de seus valores: Lembre-se de que o silêncio, às vezes, é a melhor resposta.
Leia mais livros e assista menos TV.
Viva uma vida boa e honrada, assim, quando ficar mais velho e olhar para trás você poderá aproveitá-la mais uma vez.
Confie em Deus, mas tranque o carro.
Uma atmosfera de amor em sua casa é muito importante.
Faça o que puder para criar um lar tranqüilo e com harmonia.
Em desentendimento com entes queridos, envoque a situação atual, não fale do passado.
Leia o que está escrito nas entrelinhas.
Reparta o seu conhecimento, é uma forma de alcançar a imortalidade.
Seja gentil com o planeta.
Reze, há um poder incomensurável nisso.
Nunca interrompa quando estiver sendo elogiado.
Cuide da sua própria vida.
Não confie em alguém que não fecha os olhos enquanto beija.
Uma vez por ano vá a algum lugar onde nunca esteve antes.
Se você ganhar muito dinheiro, coloque-o a serviço de ajudar os outros enquanto você for vivo, esta é a maior satisfação da riqueza.
Lembre-se que o melhor relacionamento é aquele onde o amor de um pelo outro é maior do que a necessidade de um pelo outro.
Julgue seu sucesso pelas coisas que você teve que renunciar para conseguí-lo.
Lembre-se de que o seu caráter é o seu destino.
Usufrua o amor e a culinária com abandono total.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

PARA NUNCA ESQUECER

O mundo não existe para ser possuído, mas para ser descoberto, acolhido, transformado, compartilhado.  
Sua presença é um presente para o mundo. Você é único e só há um igual a você.
Sua vida pode ser o que quiser que ela seja. Viva os dias, apenas um de cada vez.
Conte suas bênçãos, não seus problemas. Você os superará venha o que vier.
Dentro de você há muitas respostas. Compreenda, tenha coragem, seja forte.
Não coloque limites em si mesmo. Muitos sonhos estão esperando para serem realizados.
As decisões são muito importantes para serem deixada ao acaso. Alcance seu máximo, seu melhor e seu prêmio.
Nada consome mais energia do que a preocupação. Quanto mais tempo se carrega um problema, mais pesado ele fica.
Não leve as coisas tão a sério. Viva uma vida de serenidade, não de arrependimentos.
Lembre-se de que um pouco de amor dura muito. Lembre-se muito disso: "nada dura para sempre".  
Lembre-se que a amizade é um investimento sábio. Os tesouros da vida são todas as pessoas.
Perceba que nunca é tarde demais. Faça coisas simples e de forma simples.
Tenha saúde, esperança e felicidade. Encontre tempo para fazer pedidos a uma estrela.
E nunca, jamais esqueça, por sequer um dia...  
O quanto você é especial !!!  

Colaboração – Silvério Reis 

VOCÊ É ESPECIAL

Determinadas fases da vida parecem desafiar os limites racionais.
Uma separação dolorosa, a inversão de rumos planejados, frustração de anseios, enfim, fatos inesperados que abalam a própria razão.
Para essas situações temos o recurso da fé raciocinada, que opera como ponto de equilíbrio entre a ansiedade e a serenidade.

Colaboração – Silvério Reis 

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Eu sei, eu acredito, eu confio, eu vou chegar lá.....
O “lá” que eu nem tenho certeza do que será ainda.....
Mas vou caminhando sem pressa, curtindo cada pedaço de chão, cada estrada, cada curva.....
Até mesmo os caminhos cheios de pedras que sei que ainda vou enfrentar
Mas tudo valerá à pena, pois..... 

E se me machucar
E se eu quebrar?
E se este mundo me jogar no precipício?
Os meus pés saem do chão.
Eu tenho que encontrar o meu lugar. Eu quero ouvir meu som
Não ligo para toda a dor que me aguarda.
Só estou tentando ser feliz. Eu só quero ser feliz
            * Leona Lewis – Happy*

Por enquanto, vou procurando cada sorriso meu, cada momento de felicidade.
Anseio sempre por ela.
Não vivo de rotinas, não me acomodo.
Comigo não existe o normal.
Cada alegria é intensa, assim como cada tristeza.
Mas agora procuro sorrir, mesmo nos momentos difíceis.
Ser feliz é meu lema, a cada segundo de minha vida.
Mas sei que no futuro existiram momentos de felicidade excepcionais.
E anseio por cada um deles. Mas, tudo ao seu tempo.
Não planejarei mais nada.
Porque o natural, o tranqüilo...
Vem do som do meu coração.
E ele vai me guiar, sem pressa.
    
Colaboração – Nayara Gonçalves


sexta-feira, 22 de outubro de 2010

O SOL



Hoje, o sol tocou o meu sorriso.
Iluminou minha alma.
Acordou a energia perdida no ontem.
Posso retomar, passo a passo,
a caminhada para o infinito.
Vou à procura das cores
Novos sabores e amores
E descobrir o poder de ser feliz
Hoje, só quero as coisas simples
Descomplicar dificuldades
Desmistificar ídolos.
Espantar medos e falsas crenças que guardei


Agora, a hora é pra desejar
Todo o amor que possa haver no mundo
Toda a amizade sincera que chegar
Sorrir, sonhar, sentir, ser
criança, adolescente e mulher
pura, impulsiva e intensa
anjo, lutadora e guerreira
Desejo meu presente completo e feliz.
Que minha força interior
não enfraqueça
Desejo que minha essência não se perca
Diante das pessoas e obstáculos
Diante de tudo aquilo que possa me ferir
Desejar a liberdade de ser inteira e plena.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Velha Infância - Tribalistas (Tradução em Inglês)

Vale a pena dizer: "Eu gosto muito de você"

Todos nós temos necessidade de afeto. 
Muitas vezes temos dificuldade em expressar o que sentimos pelas pessoas, achamos que elas sabem e que isso é suficiente. Mas quem não gosta de um abraço, um carinho, uma palavra amiga, uma palavra de amor? Quem não precisa disso? Há pessoas morrendo de fome no mundo, todos falam, mas quantas pessoas há que estão morrendo de solidão? 
Recebemos com muita freqüência mensagens dizendo que devemos dizer às pessoas o quanto as amamos porque nunca sabemos se é a última vez que as estamos vendo. 
Isso é para aliviar nossa consciência no caso das pessoas desaparecerem repentinamente. 
Mas eu digo que devemos dizer às pessoas que as amamos como se fôssemos encontrá-las na manhã seguinte, como se fôssemos encontrar um sorriso de volta, 
ou ver um brilho todo especial provocado por nós. 
Um dos maiores prazeres da vida é ver a felicidade das pessoas que amamos. 
Há alguns anos escrevi uma frase para uma das minhas amigas num momento em que ela não estava bem. Essa frase dizia assim: 
"Não fique triste. 
Se você fica triste, fico triste.
E eu não gosto de me ver triste..." 
Ela sorriu. 
E nessa frase aparentemente egoísta eu acabei dizendo uma grande verdade. 
Sim, porque no fundo se não fazemos as pessoas felizes por elas mesmas, que as façamos então por nós mesmos. Podemos saber que alguém nos ama e isso nos deixa feliz, mas como expressar o tamanho da felicidade que sentimos quando alguém coloca isso em palavras, em gestos? Isso faz com que nos sintamos amados em dobro, em triplo até.  Assim, é importante que as pessoas saibam o quanto importantes são nas nossas vidas, o quanto nosso dia pode ficar iluminado com um sorriso ou um gesto inesperado. 
E luz é algo que quando carregamos nas mãos, além de iluminar aqueles que nos cruzam, 
iluminam a nós também. Todo o amor que damos às pessoas recebemos de volta como uma recompensa natural.
Saber que alguém pensa na gente, que nos gosta apesar da distância, do mau-humor, dos nossos defeitos, enche a alma de paz, de serenidade... 
É como um pouco de ar fresco numa janela quando precisamos respirar. 
Renova o espírito! E de espírito renovado como o dia pode ficar diferente, como o mundo pode parecer diferente!... 
Essa é minha pequena lição.  Não a que dei, mas a que aprendi.
(Edivaldo Rosa) - Colaboração - Silvério Reis 

sábado, 16 de outubro de 2010

Flores em Botão














Pequeninos botões. 
O que será que estão a imaginar?
O que será que pensam?
Nem escutam os sons do mundo
Só querem sorrir e sonhar   

Desejo

Eu desejo que você seja feliz sempre!
Quero que você preencha seu coração com sentimentos de admiração 
e que ele esteja repleto de coragem e esperança.
Desejo que você tenha amizades que sejam seu maior tesouro. 
E um tipo de amor que seja bonito sempre.
Desejo a você satisfação: do tipo doce, calma e íntima que nos visita
e que nunca mais nos deixa. 
Eu desejo que você tenha lindos sonhos.
 E que todos eles se tornem realidade.
Quero que você aproveite ao máximo
Os momentos da sua vida.
Quero que você realmente entenda o quão única e rara a pessoa que você é.
Quero lembrá-la/o que o Sol pode desaparecer por alguns instantes, 
mas nunca se esquece de brilhar.
Desejo que você tenha fé...
Desejo que você tenha  sentimentos compartilhados com outros corações, 
prazeres simples entre este mundo complexo.
E objetivos maravilhosos que estão ao seu alcance.
Desejo que as palavras que você ouvir sejam para dizer 
as coisas que precisa ouvir.
E deve ter um rosto alegre olhando amorosamente para você quando olhar 
de relance para o seu espelho.
Desejo que você vislumbre a sua beleza interior e exterior.
Desejo a você doces sonhos.
Desejo que você tenha tempo quando quiser cantar, dançar e gargalhar.
Desejo que você seja capaz de melhorar seus bons momentos
E que você lide facilmente com seus maus momentos.
Desejo que você tenha milhões de momentos de felicidade 
quando encontrar satisfação nas coisas que você sabe fazer melhor.
Eu desejo encontrar uma maneira de dizer 
o quanto sua amizade é importante pra mim 
Aonde quer que você esteja, acredite!
O que quer que você faça, nunca haverá um único dia...
No qual não desejarei o melhor...
Para você!

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Soneto da Rosa Tardia

Como uma jovem rosa, a minha amada... Morena, linda, esgalga, penumbrosa 
Parece a flor colhida, ainda orvalhada, justo no instante de tornar-se rosa. 

Ah, porque não a deixas intocada? 
Poeta, tu que és pai, na misteriosa fragrância do seu ser, feito de cada coisa tão frágil que perfaz a rosa... 

Mas (diz-me a Voz) por que deixá-la em haste, agora que ela é rosa comovida de ser na tua vida o que buscaste 
Tão dolorosamente pela vida ? 
Ela é rosa, poeta... assim se chama... 
Sente bem seu perfume ... 
Ela te ama...
Vinicius de Morais

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Amizade

Um Amor de Verdade

Viver uma verdadeira experiência amorosa 
é um dos maiores prazeres da vida.
Gostar é sentir com a alma, mas expressar os sentimentos 
depende das idéias de cada um.
Condicionamos o amor às nossas necessidades neuróticas 
e acabamos com ele.
Vivemos uma vida tentando fazer com que os outros 
se responsabilizem pelas nossas necessidades 
enquanto nós nos abandonamos irresponsavelmente.
Queremos ser amados e não nos amamos, 
queremos ser compreendidos e não nos compreendemos, 
queremos o apoio dos outros e damos o nosso a eles?
Quando nos abandonamos, queremos achar alguém 
que venha a preencher o buraco que nós cavamos.
A insatisfação, o vazio interior se transformam
na busca contínua de novos relacionamentos,
cujos resultados frustrantes se repetirão.
Cada um é o único responsável 
pelas suas próprias necessidades.
Só quem se ama pode encontrar em sua vida
Um Amor de Verdade!

Zibia Gasparetto.
Colaboração:  Silvério Reis 

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Perdas e Ganhos


Ultimamente tenho perdido coisas.
Perdi o medo da solidão - característica própria dos cowboys
Perdi o meu medo da chuva.
Perdi a vontade de ver a vida passar sem senti-la.
Mas, por outro lado, ganho o infinito que existe
No sorriso de uma criança amada.
Perdi em algum canto da memória,
Certas palavras que ouvi, desprovidas de sensibilidade e ternura.
Perdi a antiga mania de tentar evitar o inevitável,
De querer que ilusões pudessem ser reais.
Mania de tentar entender e aceitar os pensamentos das pessoas.
Cada um tem um mundo próprio, exclusivamente seu.
Mas ganho por cuidar e tornar o meu mundo,
Um lugar mais bonito e de paz
Perdi toda consciência de ter atravessado
Minutos em silêncio a me machucar
Horas de tristezas a me ferir
Dias sem alegrar a alma
Momentos em preto e branco
Ausência de cores e claridade
Ganho hoje de presente
Sempre a plena certeza de que posso
Contar comigo, com as pessoas que amo,
Contar com Deus 


Um pouco da poesia do Raul Seixas. 

Recomece

Observe a natureza.
Tudo nela é recomeço.
No lugar da poda surgem os brotos novos.
Com a água, a planta viceja novamente (renasce).
Nada pára.
A própria terra se veste diferentemente todas as manhãs.
Isso acontece também conosco.
A ferida cicatriza.
As dores desaparecem.
A doença é vencida pela saúde.
A calma vem após o nervosismo.
O descanso restitui as forças.
Recomece.
Anime-se.
Se preciso, faça tudo novamente.
Assim é a VIDA

Colaboração - Eliane França