sexta-feira, 30 de julho de 2010

Sorria

Desejo que a vida te ensine coisas que antes te passavam despercebidas. Aprenda a soletrar alguns verbos no Infinitivo:

Amar, Sonhar, Sorrir.
Crer, Crescer, Esquecer

Esqueça as sensações que machucaram tua alma. Os momentos ruins enfrentados. Deixe que fiquem no passado. Supere estes momentos através da energia maravilhosa dos teus amigos e das pessoas que te querem bem.

Deseje profundamente a renovação diária, faça de cada instante vivido uma motivação que te impulsione para caminhos que te levem pra frente, e te deixem pleno, inteiro, completo por dentro.

Desfrute, como eu as coisas simples que amo fazer:
navegar com Neruda, Florbela, Drummond, Fernando Pessoa.
Escrever poesias.
Dialogar com pessoas que me amam, do exato jeito que eu sou.
Fazer minhas horas felizes nos fins de tarde.
Sentar no bar e jogar conversa fora com meus amigos.
Passear na praia.
Cinefilar de vez quando.
Ouvir música da boa.
Ficar feliz com a alegria de um filho especial, se você tiver um.
Ouvir as dúvidas da filha (o).
Dar um pouco de colo pro ser amado.
E além de tudo e principalmente, seguir o conselho do Chaplin:


Sorria

Sorria, embora seu coração esteja doendo
Sorria, mesmo que ele esteja partido
Quando há nuvens no céu
Você sobreviverá...

Se você apenas sorri
Com seu medo e tristeza
Sorria e talvez amanhã
Você descobrirá que a vida ainda vale a pena

Ilumine sua face com alegria
Esconda todo rastro de tristeza
Embora uma lágrima possa estar tão próxima
Este é o momento que você tem que continuar tentando
Sorria, pra que serve o choro?
Você descobrirá que a vida ainda vale a pena

Se você apenas Sorrir...