sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Sem Retorno - Sil Villas-Boas


Será que podemos voltar pra nós através dos caminhos antigos 
que nos guiava m direção ao outro? 
Será que eles existem ainda? 
Acho que a gente se afastou deles aos poucos. 

Não percebermos nossa desatenção aos sinais que nos afastava da estrada a ser seguida. Preferimos a escolha confortável dos atalhos. 
Preferimos o percurso das mãos nos olhos. Boca. Ouvidos.
Nos perdendo numa trilha sem saída. 
Andando em círculos num cansativo trajeto. 
Prendendo os passos para voltar ao tempo do existir eu e você.
Este tempo já partiu
Partiu levando pra longe
Uma outra música.
Um outro lugar.

Um outro final.
Já não nos cabem novos inícios
Tarde demais para o melhor da noite.
Tarde demais para manhãs e tardes melhores.