domingo, 28 de agosto de 2011

Querer Simplesmente

Por: Sil Villas-Bôas


Eu quero um Mar. 

Um Mar de nós. 
Nós entre laços, afoitos, aflitos.
Envolvidos. 
Deitados em desalinho nos lençóis de algodão, 
cheirando a manhãs de chuva num domingo qualquer. 
Quero teu beijo, teu abraço, teus detalhes,
tua maneira avessa de respirar vida.
Quero teu cheiro no meu corpo.
Tua boca molhada e cheia de versos..... 
Perversos.

Preciso dos teus devaneios poéticos, grafitados nos muros da cidade.
Preciso que aceites meus sonhos, desenhados em tons de felicidade.
Quero você , em nós.