domingo, 1 de maio de 2011

L E I A - M E

Por: Sil Villas-Boas

   Venha me ler

Posso?

Pode sim.....

Quer?

Sim

Abra-se para mim

Diga o que sentes, o que gosta

Deixe-me abrir com minhas mãos o teu livro.

E eu queria era ler os teus medos...

Soprar teus anseios...

Te liberar

Mas tenho muito medo...

De te arranhar a alma, 

E você sentir dor....


Leve é a mente de quem ama...
Ou se deixa amar.