segunda-feira, 21 de março de 2011

Sem Medos - Sil Villas-Boas



Não me amendrontam os arranhões.
Os espinhos que encontro nas flores não me ferem.
As dores que a solidão me traz já não assustam tanto.
Já não resisto tanto aos pingos da chuva
As gotas de mágoas a escorrer da alma são suaves agora.

Porque.....
Aprendi as lições ao ler tuas tortas entrelinhas  
Aprendi a enfeitar meus caminhos com rosas
Encontrei em mim estrelas, chuvas e sorrisos. 
Manhãs de sol, tardes sonoras e refrescantes.
A escuridão noturna clareada pelo Luar.

Ainda guardo em mim aquela (e)terna harmonia. 
Que você me ensinou a buscar, 
nas diversas contradições da vida.
Ainda tenho um suave toque de mãos a me envolver.
E se tudo isso algum dia me faltar...
Recomeçarei a buscar tudo de novo.

9 comentários:

Tatiana Kielberman disse...

Sil, querida...

Que belo poema, que linda expressão!

Seus versos me encantam cada dia mais!!

Por favor, não pare nunca!

Ao final, sempre há uma esperança de que a vida seja maravilhosa... é isso que nos move!

Um beijo grande!

Guará Matos disse...

Nem tudo é tão ruim que se possa esquecer.

Bjs.

Cristian disse...

Porque viver é uma delícia. E as cicatrizes são para lembrar de uma luta vencida.

Bjk, Sil

Sandra Cajado disse...

Parece até um chavão dizer, mas...eu gostaria muito de ter escrito essas palavras.

Quando tudo parecer dificil lembre-se :Viver vale a pena e só o fato de permanecer é uma vitória.

Um abraço!

João Ludugero disse...

Recomeçar é uma arma poderosa que a gente dispõe quando tudo parece fora do lugar. É uma força necessária para que agarremos o sol de um novo dia e alvoremos com as cores boreais que emergem do nosso coração por mais remendado que ele possa estar. E a maior munição que nos catapulta ao recomeço: AMAR-SE e AMAR-SE! Hiper abraço. Adorei seu poema maravilhoso! João.

RosaMaria disse...

Vamos combinar:

Caimos sete, levantamos oito vezes!

Por mais que as forças sejam contrárias, sempre vale a pena lutar pelo que se quer.

AMEI ler isso!
Um up pra segundona.

Beijos meus
ótima semana

Max Psycho disse...

Parabéns Sil, ótimo poema, na verdade não devemos ter medo pois Deus sempre está ao nosso lado e nos guiando ou até mesmo nos carregando, mas sempre junto conosco, bjus Sil

Suzana Martins disse...

Sil minha linda, que lindas palavras!!!!!

Que belas palavras que invadem a minha alma e rasgam todos os medos. palavras que são belas e eternas..

Lindo, perfeito!!

Beijos lindona

João Ludugero disse...

Querida Sil,
Passe lá no meu Blog, tem um SELO para você lá. Pode pegar.
Bom dia!
Ótima semana!
Abraço.