segunda-feira, 11 de abril de 2011

Aprendendo


Autora: Fernanda Villas-Boas


Tenho aprendido que a percepção da essência das coisas simples é o caminho para a felicidade. O raio de sol que brinca com as cortinas do quarto, a flor que desabrocha no meu pequeno jardim nas noites quentes de verão, risadas infantis que enchem os ouvidos e as manhãs, lugares descobertos sem querer, afeto de quem se quer bem. Na miudeza desses momentos sinto a grandeza de viver. Bem. Em paz. Feliz.

No recôndito do meu coração que às vezes é furacão e às vezes é mar brando, sinto a plenitude de saber que nada sei de mim, pois quando acho que sei já acho diferente. E gosto disso. Descobrir e redescobrir é algo que não nos deixa estagnar no orgulho das sabedorias definitivas.

Deixo as coisas chegarem naturalmente e elas vão chegando se quiserem. E assim caminho, andarilha que não tem a pretensão de ser estrada...porque muito tem a trilhar.

5 comentários:

The Well disse...

E viva a simplicidade das coisas!

Xêro!!

RosaMaria disse...

Aprendi a duras penas que o bom da vida não está em chegar as respostas...

Mas em aprender a conviver com as perguntas!

Muito bem vinda, a este Jardim!

Beijos!

paulo disse...

Sempre aprendemos de uma forma ou de outra...e isto é que nos traz a experiência.
Belo texto

Tatiana Kielberman disse...

Parabéns pela linda estréia aqui, Fernanda!!!

Lindas suas letras... repletas de significado!

Aprender... sempre!

Um beijo!

Sil Villas-Boas disse...

Bem vinda Nanda
Já chegou chegando para preencher com prosa e poesia nosso Jardim. E que você traga cada vez mais bons frutos e flores perfumadas e poesias ao nosso cantinho.
Bjussss da cunhada
Sil