terça-feira, 16 de agosto de 2011

FEITO ANTES....


Por: Sil Villas-Bôas


Será que ainda te verei como antes?
Nas madrugadas frias
Nos dias de imagens quentes e de ação


Será que ainda te terei?
Dentro do seu olhar em versos, em rimas.
Cheio de cores ou de neblina?


Será que ainda me olharás como antes?
Antes que o dia termine
Que a tarde acabe
E a noite fique uma simples rotina.


Ainda te guardo em mim.....
Através de tuas palavras...
Através do que ficou de você
E do que foi contigo.


8 comentários:

Universo Paralelo disse...

O que se foi, ficou no passado, foi lindo , foi perfeito, apaixonante,restaram somente lembranças, mas ainda se tem a esperança de tudo voltar a ser como antes, linda poesia, amei, beijos e bom dia!

Luna Sanchez disse...

Difícil, né, Sil? As coisas todas em constante mutação, nós mesmos sempre mudando...Não se modificam só as pessoas, os lugares e as circunstâncias, nosso jeito de olhar pra tudo também se altera.

Um beijo, querida.

SIMONE PRADO disse...

Prefiro deixar o novo entrar, o que foi antes já deu o tempo que tinha que ficar....agora é olhar pra frente e plantar a semente e deixar germinar. Venha me visitar. BJOS

VeraBruxa disse...

Olá!
Guardar o ficou...impossível apagar, o que seria anular a si mesmo. Somos a soma dos nossos viveres...
Abraço.

Max Psycho disse...

É isso ai finalmente podemos ver os versos bonitos e ritmados da nossa queria Sil, bjus

Tatiana Kielberman disse...

O tempo pode passar, mas algumas coisas verdadeiramente nunca mudam, Sil querida...

Lindo e sensível poema!

Repito: bom demais vê-la escrevendo de novo!!

Beijo grande!

Van disse...

Sil

tive que vi particiapar desta sua "poetizada", feliz em te ler.

Nunca mais somos os mesmos depois de viver em outra pessoa e ela em nós, sempre fica algo dele em nós e vai algo nosso junto dele.
É aí que posso afirmar que amor é eterno, a pessoa vai mas fica algo em nós para o resto de nossas vidas, esperando reencontro, ou só quietinho dentro de nós a nos acompanhar.

Super lindo!

Um beijo!

Rabisco disse...

Excelente poema!
Um blogue muito interessante.

Gostei!

Abraço

http://www.rabiscosincertossaltoemceuaberto.blogspot.com/