domingo, 4 de setembro de 2011

Amar: a fórmula certa!

Por Marília Felix


Por muito tempo acreditei que o amor era apenas um sentimento! Um sentimento absoluto, eterno, recíproco ou até mesmo platônico...
Pouco a pouco, e ao mesmo tempo rapidamente, eu fui compreendendo na prática que, amar é mais do que um sentimento.
            Ele vai além de todas as coisas. De nossas atitudes, comportamentos, nossa maneira de agir e de reagir diante de pessoas e situações. É uma “coisa” imensa, que tem uma enorme capacidade de nos fazer sorrir e ao mesmo tempo chorar.
            Aí me lembrei das Rosas!
Observando-as, descobri algo a mais sobre o amor. Descobri que as 'rosas e o amor são constituídos de beleza e espinhos. Assim, muitas vezes não nos permitimos amar, por medo de nos ferirmos com os espinhos...'
Mas como alcançar a vitória no amor sem nunca ter sofrido?
Talvez, amar também seja se arriscar! Ter atitudes a assumir, decisões a tomar, comportamentos a serem colocados em prática...
Tudo isso me lembrou algo muito familiar. São Paulo já havia dito que “o Amor é paciente, é bondoso. Não se inveja, não é orgulhoso. Não é arrogante. O amor não se escandaliza, não busca seus próprios interesses. Não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade. O Amor tudo desculpa, tudo crê, suporta e espera. O Amor não acabará jamais.”
No capitulo 13 de sua Carta aos Coríntios, São Paulo já apresentava o amor em termos concretos e práticos que precisamos vivenciar continuamente.
Logo, é necessário estar disponível ao amor, mesmo com as dores dos espinhos. Por que o segredo para se alcançar esta vitória, está simplesmente na paciência de saber sofrer!

7 comentários:

Marília Felix disse...

Sil, minha vizinha! :)
Você já está incluida nas minhas orações, nas minhas recordações e principalmente em meu coração!

Presente em minha Vida!
Bom Domingo!

Beijos amigos

Malu disse...

Antes de mais nada e de qualquer coisa é preciso AMAR, nada mais...
Abraços

Sil Villas-Boas disse...

Obrigada, Marília

Você também está guardada em meu coração. E este post falando do Amor está muito precioso, muito tocante. Cada vez mais admiro sua veia poética pra expressar palavras tão belas. Amo ser sua amiga, irmã, mãe e filha, pois você possui uma sabedoria rara numa pessoa de tão pouca idade.
Te adoro demais.
Deus te proteja sempre.
Bjusss,
Sil

Nanda Assis disse...

lindissimo o fundo do seu blog!! eu amei!!

bjos...

Maria Alice Cerqueira disse...

Prezado amigo
Hoje eu vim pensando um pouquinho em meu sonho
por favor clique no Link

http://www.mariaalicecerqueira.com/2011/08/prezado-amigo-leitor-e-seguidor-me.html

Muito obrigado de coração

abraço amigo
atenciosamente
Maria Alice

RosaMaria disse...

Sempre acreditei que soubesse tudo sobre o amor, e hoje, claro como a água, percebo que do amor não entendo nada.

Num tem como não amar você, fadinha dos meus dias...

Beijos pra vc!

Silvana!!!!

Saudades super de vc.

Beijos

Tatiana Kielberman disse...

Que lindo texto sobre o amor, Má querida...

Você tem essa incrível capacidade de tocar nossos corações sempre!

Obrigada por isso!

E viva o verbo amar!!

Beijo grande...