domingo, 29 de junho de 2014

VÁRZEA-RN: O SONHO PERFEITO DE UM CIDADÃO, por João Maria Ludugero

 
 
 
 
 
 
VÁRZEA-RN: O SONHO PERFEITO DE UM CIDADÃO,
por João Maria Ludugero

Ainda ontem eu tive um sonho,
E, se não me falha a memória,
sonhei que eu, João Maria Ludugero,
Havia me tornado prefeito de Várzea. Sim, Prefeito!
E que era carregado nos braços do povo pelas ruas da cidade.
Justo eu que sequer tinha essas aspirações…Pode?
Sonhei que me tornara prefeito, sem precisar “barganhar” ou traficar influência,
Sem pagar propinas nem precisar ser “talhado para o cargo”.
Porque prefeito não precisa comprar ninguém, não precisa ser corrupto.
Basta cumprir o que promete e prometer apenas o que pode cumprir.
É consabido que não existe ninguém “talhado”
para este ou aquele cargo, esta ou aquela profissão.
Todos têm o mesmo direito de querer ser prefeito,
governador, deputado, vereador ou qualquer outro tipo de autoridade.
Sonhei que era mesmo prefeito, um cidadão varzeano
disposto a trabalhar para o bem da população,
com objetivos firmes, a fim de levar Várzea
ao lugar de destaque que ela merece.
Várzea, sonhei que era seu futuro prefeito! Imaginem, só!
Foi tudo um sonho. Acordei!
Mas acordei com boas idéias na cabeça:
É isso aí. Boas idéias nunca me faltaram.
Várzea tem presente, Várzea terá futuro!
Isso mesmo! No recesso do meu espírito moço,
há uma enorme vontade de chegar lá, de acordar.
Nós só queremos uma chance – de sonho em sonho.
Queremos uma Várzea de bem com a vida.
Acordado eu sempre penso numa cidade mais humana, numa Várzea
mais verde, mais limpa, melhor planejada, mais segura, mais saneada,
quiçá com um projeto voltado para o turismo,
uma renovação completa na saúde, melhoria na educação,
no folclore e nos valores culturais desta cidade querida.
Sonho com uma cidade voltada para o futuro,
sem desprezar os seus valores do passado, suas famílias, seus nomes,
Que não fiquem apenas na denominação das ruas.
Queremos que seus moradores considerem a nossa cidade
um local ótimo de se viver e que sintam orgulho de ali morar.
Eu sonho e desejo que seus visitantes apreciem o que Várzea tem de melhor:
Sua cultura, suas pessoas, a monumental igreja de São Pedro,
o açude do Calango, a fazenda do Vapor, o rio Joca,
suas ruas e casas caiadas, seus prédios municipais, suas praças,
suas escolas, o estádio João Aureliano, o parque de Vaquejada,
comidas típicas, suas noites de maio, suas festas juninas,
Semana da Cultura, etc, etc, etc.
Sonho com o melhor para nossa Várzea.
Acordo do sonho e concordo:
Se temos muito a contribuir, acordemos, pois.
Várzea precisa acordar, sem depender só de verba
para acontecer. Não é mesmo?
Para finalizar projetos pendentes e instalar medidas novas
E melhorar qualidade de vida dos seus cidadãos. Por quê não?
Todos somos filhos de Deus e merecemos isso: Ser feliz!
Para implementar estas e outras propostas
que dialogam com o futuro de nossa cidade,
para termos a Várzea dos nossos sonhos, pra frente,
Acordemos, pois a mudança não pode parar!
A gente sabe para aonde vai – você sabia?
A toda evidência, quando a gente quer, a gente pode!
A semente está lançada. O sonho não acabou!
Eu acredito na força do sonho. Nós temos a força e o sonho.
A realidade está em nossas mãos. Acordemos. Você concorda comigo?
Então, não sou o único sonhador. Temos o feijão, a farinha e o sonho.
A gente sonhando junto, quem sabe um dia o sonho se faz ação de verdade.
Portanto, não vamos arredar o pé do sonho. Vamos plantar o sonho, semeá-lo.
Viu como você viu? Só não vê quem não quer…o sonho é possível!
Vamos acordar, tomar banho de estrelas e esperar o sol.
O sol de um novo dia, de um novo tempo, de uma nova Várzea!

Nenhum comentário: