sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Tempo... seja legal!

Interessante como o exercício da paciência tem me fortalecido e me trazido tranquilidade. A vida é curta demais, mas nem por isso temos que ficar desesperados pra realizar tudo o que queremos, até porque seria impossível. Quando faço com calma as coisas, aprecio-as muito mais intensamente. Quero realizar muitos sonhos dos quais muitos não conseguirei, no entanto, preparo o solo e planto minhas sementes, mesmo sabendo que muitas não irão vingar, e espero pacientemente as estações certas para colher os frutos. Tem um livro, que na verdade nunca li, nem tive curiosidade de ler, mas que só o seu título já me foi de grande valia: "Não apresse o rio, ele corre sozinho". Há coisas nesse mundo que só a idéia já nos é útil. De repente senti vontade de ler este livro. Paciência. Quem sabe daqui uns cinco anos.
Lembrei da canção do Lenine:

Paciência

"Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
A vida não para...
Enquanto o tempo
Acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora
Vou na valsa
A vida é tão rara..." 



Comentando e criando no: http://deslizespoeticos.blogspot.com/2011/02/paciencia.html




Eu estava deslizando por ai... 
praticando minha espontaneidade... 
escrevendo o que pensava... 
Acho que essa é a melhor forma de escrever... 
com um belo estímulo... 
com o que é lindo a nossa frente...
Sentindo uma espécie de amor...
Sabendo que posso dizer o que der na telha...
Com uma exigência apenas: que seja com amor.

8 comentários:

Silene Neves disse...

Oi Cristian...

Então... a paciência tem seu lugar precioso nessa vida rara e passageira.

Lindo fim de semana... dias de luz e paz.

Beijo pra Sil tbm.

Sil

Maria Rita disse...

Este é um dom que tenho que exercitar muito ainda...rs

Beijos pra Ti

Sil Villas-Boas disse...

Bom dia Cris

Adorei seu texto de estréia aqui no Jardim. Aliás você e a Rosa estão de parabéns pelos pensamentos tão bem expressados em nosso Blog.
Amodoro os dois
Bjussss e bom fim de semana.
Sil

หคтнყ disse...

aaaaa Sil que lindo.
Esse texto me fez pensar, e ter mais calma em relação a vida!

Bju grande!

RosaMaria disse...

Oi Sil, Oi Cris.

Que deixe rolar e que deixe que o tempo passar...

A vida é boa, então se entregue aos luxos do relógio.

"Os dois testes mais duros no caminho espiritual são a paciência para esperar o momento certo e a coragem de não nos decepcionar com o que encontramos" Paulo Coelho

Beijos gigantes aos dois.

Bom findi!

Suzana Martins disse...

Ah Sil, parabéns por trazer o Cristian aqui...

Eu amo Lenine e viajei nas canções...

Beijos

Tatiana Kielberman disse...

Queridos Sil e Cristian,

Feliz por mais essa parceria entre vocês!

Parabéns!!

Lenine é show e o texto ficou perfeito...

Beijos!

ROSANA VENTURA disse...

eu amo essa musica...e ela sempre me acalma...
bjossssssss