sexta-feira, 1 de julho de 2011

Sou apenas um caminhante...

Por: Sidarta Reis 



Sou apenas apenas um caminhante!


Que perdeu o medo de se perder...


Estou seguro de que sou imperfeito


E podem me chamar de louco...não me importo.


Podem zombar das minhas idéias também não importa!


O que importa é que sou um caminhante


Que vende sonho para os passantes


Não tenho bússola, mas sei a direção a tomar,


e tambem sei que tenho tudo de que preciso pra sonhar...


Tenho as palavras das quais sou escravo


...mas por vontade própria porque elas me libertam,


Através de viagens ao infinito do imaginário!


Sou apenas um caminhante que chora, ri e sente


À procura de mim mesmo...



Sidarta

Um comentário:

Sil Villas-Boas disse...

Sidarta

Que bom saber que tua natureza de caminhante te guiou para plantar versos sensíveis aqui neste Jardim dos Girassóis. Espero novos cultivos de suas mãos.
Beijo de amiga no seu coração.
Sil