terça-feira, 20 de setembro de 2011

Da série: um comentário, um poema

Brisa 
Por Lunna Guedes
Sabe que eu ando assim?
Calada... 
Sentindo... 
Pensando...

Deixando passar uma brisa.


Acho que ando com o desejo de ser brisa 
E me perder por aí.


Quer conhecer a Lunna?  
Visite-a aqui:  http://meninanosotao.wordpress.com/

6 comentários:

Sil Villas-Boas disse...

Bom dia Lunna

Sempre é maravilhoso quando nossa alma fica em estado de Brisa.
Bjusss
Sil

Poupée Amélie™ disse...

Ah, eu já conheço a menina do sotão! Uma graça!
BjO*

Luna Sanchez disse...

Deixando o mundo respirar sem fazer pressão.

Coisa boa esse status!

=D

Beijos pra Sil, beijos pra Lu!

Cláudia Costa disse...

Ah que delícia...

Viver, transformar-se em brisa e se perder livremente por aí!!

Lindo, lindo!

Menina no Sotão disse...

Carissima, grata por me deixar ser brisa por aqui. Estou com um sorriso de orelhas aqui.
bacio

Tatiana Kielberman disse...

Lu, querida!

Que delícia te ver também aqui!!

Ser brisa é uma dádiva que poucos conseguem, mas você certamente tem o dom...

Brisemos!

Beijo grande!!!